FORGOT YOUR DETAILS?

CREATE ACCOUNT

Política e Economia

por Jonatan da Mata

 

 

 

 

 

Nesta coluna o ativista político Jonatan da Mata fala sobre política e economia

em nível municipal, estadual, nacional e internacional.

Foram quatro meses de curso com mais de 40 professores especialistas. Depois de eleger 17 parlamentares para o Congresso Nacional e Assembleias Legislativas, o RenovaBR se prepara para formar sua segunda turma neste sábado, dia 07/12 na capital paulista. Em apenas um ano, a escola de formação de políticos cresceu 750%, subindo de 133 alunos

A PEC do pacto federativo prevê a rebaixa do status de município. Estava eu em minhas tradicionais leituras de notícias quando me deparei com algo bem inusitado. A proposta de emenda constitucional denominada PEC do pacto federativo. Afeito a “simplificações” o liberal Paulo Guedes, também conhecido como posto Ipiranga acha que seria uma boa ideia

Gálatas 6:7

quarta-feira, 30 outubro 2019 by

Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará. Seria essa a colheita de Bolsonaro? Em menos de um ano de governo ele parece não ter paz. A imprensa não larga do pé dele e ele parece não querer deixar de dar munição a ela. Pau que

A resposta errada para a pergunta errada. Segundo os defensores da absurda ideia de diminuir a representatividade popular, a economia é o motivo. Eu poderia mostrar mil e uma formas de fazê-lo mantendo o atual número de parlamentares. Quer economia? Que tal diminuir o número de “auxílios” que os parlamentares recebem? Quer economia? Que tal

PSL em: A Guerra infinita

quinta-feira, 17 outubro 2019 by

Está declarada e guerra dentro do PSL, e o grande perdedor está sendo o Brasil. O presidente Jair Bolsonaro acendeu o pavio do primeiro canhão e a guerra começou. O que antes não passavam de farpas na internet toma proporções incalculáveis e rumos imprevisíveis. Antes bolsonaristas convictos agora inimigos “mortais” é assim que se encontra

Bolsonaro discursa na ONU e surpreende a todos. Com uma desenvoltura digna de Dilma Roussef, mais uma vez o Brasil passa por situação inominável com o discurso de Bolsonaro. Perdendo a chance de fazer um discurso conciliador e colocar o país na posição em que sempre esteve (nação soberana e independente). O presidente fala para

TOP
Este site utiliza cookies para armazenar informações importantes para disponibilizar o conteúdo adequado para seus usuários. De forma alguma o Holofote Digital irá violar a privacidade do usuário colhendo informações pessoais. Ao utilizar este site você está de acordo com nossa política de privacidade.
X